Fisting 4 Curiosidades Sobre A Prática

Sabemos que quando se procura prazer, nem sempre, se pensa em regras ou limites e à medida que os anos passam, são descobertas ou “desvendadas” novas práticas sexuais que para alguns de nós ainda são inimagináveis. Vem descobrir as 4 curiosidades sobre a prática do Fisting!

 

E por falar em imaginação… sim, a imaginação é um item indispensável para as novas práticas sexuais, até porque ninguém gosta de rotina. Uma das práticas que tem ganho novos adeptos e têm enchido as prateleiras das Sexs Shops é o Produtos dedicados ao Fisting.

 

 

De onde vem a palavra Fisting​

O termo Fist em inglês significa punho e o sufixo “ing” significa uma ação contínua. Numa tradução livre seria “dar socos”. Além deste termo mais conhecido, também pode ser utilizado o termo fist fuck e festee para a pessoa que recebe a introdução do punho. 

Canal vaginal ou anal?

Qualquer um dos dois. A prática do fisting pode ser realizada entre casais tanto heterossexuais como homossexuais, tudo depende de como a pessoa se sentir mais confortável. Muitos têm medo de fazer a prática por via anal, já que esta musculatura tem menor capacidade de expansão. Por isso, a indústria erótica tem constantemente disponibilizado no mercado, lubrificantes e produtos específicos para essa prática. 

Lubrificante para fisting fist it sperm 500ml
Lubrificante Para Fisting Fist It Sperm 500ml

Higiene e segurança acima de tudo 

Existem riscos para a  saúde, ainda mais se for praticado com “sede ao pote”. A musculatura tanto da vagina quanto a do ânus tem músculos que se adaptam ao tamanho do que entra e do que sai. Então, uma introdução bruta de um diâmetro diferente pode causar rompimento das fibras musculares, fissuras e até mesmo problemas urinários e intestinais. Sim, o fisting não é para amadores. 

A higiene é de extrema importância! Unhas SEMPRE cortadas, para não magoar o parceiro e mãos e punhos muito bem lavados, para não correr o risco de transmitir bactérias. Hoje em dia vendem-se nas sex shops luvas específicas para a prática do fisting. Algumas delas até mesmo com texturas para causar sensações diferentes. 

E para a prática anal, é importante fazer a higienização do reto com uma duche, por exemplo. 

Vá com calma 

Como já dito, o fisting não é para amadores, então vá com calma no começo. É importante a concessão mútua do casal, que os dois estejam a querer fazer esta prática e que os dois estejam confortáveis. A intimidade nesse momento pesa muito. É interessante definir uma palavra de emergência, para que na hora do ato ninguém ultrapasse os limites. 

E na hora que for praticar é preciso uma preparação: introduzir, um, dois, três dedos na medida que o parceiro vá se adaptando. Após o punho introduzido é só aproveita a sensação única que o fisting pode proporcionar. 

Exemplos de Artigos de Fisting

Shopping Cart